domingo, 17 de fevereiro de 2013

Santuário de las Mariposas Monarca El Rosário - Michoacán

Eu não tenho nem como escrever sobre esse lugar.
É mágico. Simples assim!
Quando uma amiga me disse: "Você tem que tomar cuidado para não pisar em borboletas", eu achei que ela estivesse exagerando.
Seguem fotos. Vou fazer em 2 posts, ou mais e colocar alguns vídeos. Eles mostram bem o que é estar entre borboletas.

Acho que minha irmã nunca vai querer conhecer esse lugar! Né, Flá?


 E tudo começa com tienditas...

 E as árvores são enormes. Caminhada de 1,5 km até chegar onde estão as borboletas monarca, a 2800m de altitude.

 Entrada do Santuário

 Aos poucos elas vão aparecendo... sempre ao sol.


 A gente vai encontrando cada vez mais. E se impressiona a cada parada.


 De repente... Já são incontáveis.


 E voam por cima, por baixo, entre todos.
A reserva pede silêncio ao se aproximar das borboletas.

Lindas, lindas, lindas. 


quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Tepotzotlán - Pueblo Mágico

Depois de sair dos Arcos del Sítio, fui para Tepotzotlán, que é considerado um "pueblo mágico".
Sem muitos comentários, o lugar é lindo. Uma praça central com a sua igreja, bancos, árvores e gente para todo lado.
Ao redor da praça tem vários restaurantes, a Biblioteca, o Museo Nacional do Virreinato, Mercado de Artesanias, enfim, muita coisa pra ver e para todos os gostos.
E, sim, é um pueblo mágico. Adorei. Voltarei outras vezes, com certeza.



Sinos. 

Detalhe da iluminação do restaurante. 

Iglesia de San Francisco Javier 






Da minha série favorita: Sacadinhas floridas. 

Detalhe que transforma um pueblo em um "Pueblo Mágico"

Patio de los Naranjos no Museo do Virreinato 




Capela dentro do Museo. 



Botica. 


Lindo, não?

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Acueducto de Xalpa ou Arcos del Sítio

Visita ao Acueducto de Xalpa ou Arcos del Sítio.
Mais ou menos a 30km do pueblo de Tepotzotlán, que fica no Estado de México. Bem aqui do lado.
Um lugar pitoresco.
O aqueduto foi contruído entre os anos de 1706 a 1854.
São 43 arcos, numa extensão de 438m e 61 metros de altura.
Foi construído por jesuítas para levar água do Río del Oro até a Hacienda de Xalpa.
Magnífico lugar.

Típica paisagem mexicana local.


 Caminhada dentro do acueducto.

 Foi preciso dar uma abaixadinha pra passar por aí.


 Paisagem da serra.

 E por aqui passava a água. Haja história.


 E é alto, heim?

 Olhem o tamanho do homem no alto dessa foto. Dá pra ver? No meio do 4o. arco!


 Atravessando a ponte pênsil.

 Sim, cheguei ao outro lado.



Lindo. Adorei.